A cidade respira o clássico

No último confronto entre eles no “Zama Maciel”, Kasito era o capitão da URT, que jogou com a camisa listrada e o Mamoré, com a cor branca predominante, tinha Pires capitaneando.

As cores azul e verde são esperadas neste domingo no Estádio da Avenida Brasil, no clássico que fecha a primeira fase do módulo II do campeonato mineiro.

URT entra em campo com a tranquilidade da classificação, mas com a responsabilidade de manter a segunda posição e de enfrentar mais um derbe. O Mamoré, preocupado, parte para o único resultado que lhe interessa, que é a vitória e tendo que contar com um tropeço do Ituiutaba, em Varginha, diante da Patrocinense.

As escalações já estão nas cabeças de Zezito e Zé Humberto, mas dificilmente serão reveladas abertamente antes do jogo. E o esquema? 3-5-2, 4-4-2, 3-6-1. Sem o zagueiro Diego, suspenso, o Sapo pode adotar o 4-4-2. Do lado da URT, com Ditinho reservado para o transcurso do jogo, Zezito pode ter um meio-campo mais reforçado com Edinaldo Baiano e Celinho, fazendo revezamento e um dos dois chegando à frente com Robinho.

TORCIDA

Em jogo URT x Mamoré discute-se tudo, até o local reservado ao torcedor. Diferentemente do ano passado, a torcida do Mamoré deverá ocupar, a princípio, o espaço do lado da Avenida Paranaíba, atrás do gol. A novidade é que a arquibancada, à direita das cabines serão isoladas e a sua ocupação poderá ser de uma ou outra torcida, dependendo da presença de seus torcedores.

“VAMO” POR JOGO

No mais é torcer para um grande espetáculo, arbitragem perfeita, torcedor fazendo o seu papel e, no final, a vitória daquele que merecer. Como diz o Xará: “vamo pro jogo”…

Por: Adamar Gomes
Foto: Arquivo – Toninho Cury

4 ideias sobre “A cidade respira o clássico

  1. MAIS NOVIDADES PARA O FUTEBOL DO MÓDULO II.
    O TÉCNICO LUIZ EDUARDO ESTÁ A CAMINHO DA PATROCINENSE.
    A QUALQUER MOMENTO PODE DEIXAR O FUNORTE.
    JÁ HÁ ENTENDIMENTOS PARA ASSUMIR O TIME DE PATROCÍNIO.
    ESTE TÉCNICO FAZ DOS CLUBES DO INTERIOR VERDADEIROS PICADEIROS.
    DIRIGENTES E TORCEDORES FAZEM PAPÉIS DE PALHAÇOS.
    ACREDITE SE QUIZER.

  2. Domingo é dia de classico.
    Domingo é dia de classico não tem favorito.
    Portanto nada ainda está perdido para o Mamore, mas logicamente a equipe da URT está mais bem estruturada, melhor entrosada, mas tudo pode acontecer.
    O lado motivacional pode influenciar e muito. Outro fator pode ser o clima chuvoso, que atrapalha o espetaculo, campo molhado é mais dificil, o jogo se torna mais pegado, mais raça e menos tecnica.
    É esperar domingo para ver o que acontecerá.
    Que vença o melhor e que seja um bom jogo, que a chuva não atrapalhe.
    Não poderia deixar de dizer que a segunda fase, é outro campeonato e mais dificil pois serão os melhores, e quem for mais competente certamente conseguirá seu objetivo.

Os comentários estão fechados.