Confusão no jogo Uberaba e Mamoré deixa o Uberabão inabilitado para jogos do Módulo II

confusões uberabãoFederação Mineira de Futebol enviou ofício ao Uberaba Sport Clube, representado pelo seu presidente Leonardo Varanda, determinando a INABILITAÇÃO do Estádio Engenheiro João Guido, o Uberabão, até ulterior decisão do Departamento de Competições (DCO).

No documento, o DCO afirma que “Tomou conhecimento do teor da súmula do jogo Uberaba Sport Clube x Esporte Clube Mamoré, realizado no Estádio Municipal Engenheiro João Guido, ‘Uberabão’, em Uberaba, no dia 14.05.16, válido pela última rodada do Campeonato Mineiro 2016 – Módulo II.”

Continua a nota:

“Dentre os pontos descritos no documento oficial da partida, destacam-se:
a) invasão de campo por torcedores dos dois clubes;
b) torcedores portando barras de ferro que foram retiradas de uma das grades que dão acesso ao campo do jogo;
c) blocos de tijolos arremessados por torcedores;
d) agressão física contra dirigentes;
e) uso de gás de pimenta por parte do efetivo policial;
f) vidraças do vestiário utilizado pela equipe visitante quebradas e
g) ameaças, tumulto e violência.

O documento cita o art. 21 do Regulamento Específico da Competição (REC).

“Art. 21 – Fica o estádio inabilitado para uso no Campeonato (…)
Parágrafo 1º – O Estádio poderá ser inabilitado, ainda, na hipótese de, na súmula, ser registrado algum episódio de violência, distúrbio ou falhas graves na estrutura do estádio.

A Nota do Departamento de Competições  se encerra com a decisão:

“DETERMINA-SE:
A inabilitação do Estádio Municipal Engenheiro João Guido ‘Uberabão’, em Uberaba, para partidas do Campeonato Mineiro 2016 – Módulo II, até ulterior decisão da DCO.
Este ofícil tem efeito imediato.
Publique-se no site da FMF e cumpra-se.
(a) Paulo Bracks – Diretor de Competições.”

O Presidente do Uberaba, Leonardo Varanda informou que o Clube recebeu notificação da FMF e que, vai apresentar defesa, recorrendo da decisão, quando acontecer o julgamento em data ainda a ser definida pelo TJD.

Enquanto isso, em Patos de Minas, a diretoria do Mamoré acompanha com atenção o desenrolar dos acontecimentos.

AG esporte
Fonte: FMF
Foto: Toninho Cury (arquivo)