FMF com portas lacradas

Paulo-Schettino-e-FMF-3As portas do prédio onde funciona a Federação Mineira de Futebol, na Avenida Barbacena, em Belo-Horizoonte foram lacradas, por uma liminar proposta pelo Ministério Público, que exige efeito imediato da sentença que anulou a alteração do Estatuto da entidade. A medida objetiva o afastamento do presidente Paulo Schettino, da FMF, que tem mandato até o término da Copa do Mundo desse ano. Para entrar no imóvel, só com a presença dos interventores nomeados pela Justiça.

Schettino mexeu no Estatuto e prorrogação a sua gestão até julho de 2014. Ministério Público considerou a ação ilegal e apresentou denúncia, que provocou o afastamento do presidente em maio de 2013. Dois interventores chegaram a assumir a presidência, mas Schettino recorreu e voltou ao posto no mesmo dia.

Para a promotoria, o presidente pode recorrer novamente, mas as chances de permanecer no cargo seriam pequenas. Paulo Schettino declarou que vai esperar a abertura do Fórum, no dia 7, para lutar por seus direitos e retornou ao cargo. Enquanto isso, a FMF continua fechada e pode gerar prejuízos para os Clubes que dependem dela para organizarem as suas equipes nesse início de temporada.

Por: www.agesporte.com.br

3 ideias sobre “FMF com portas lacradas

  1. Todo mundo mete o pau na FMF, principalmente dirigentes dos clubes, imprensa, etc. Mais quando alguem da imprensa vai entrevistar gente da Federação, so se ouvi elogios e puxa saquismo, principalmente aqui em Patos, e é a mesma coisa com os diretores dos times, quando estão longe falam mal , mais quando os caras estão aqui em Patos, é so elogios. E perfuntem aos diretores de URT e Mamoré, em quem votaram na ultima eleição, com certeza votaram nesse tal de Schetino, e a Liga Patense , com certeza tambem deu seu voto pra ele.

  2. Na realidade, não existe a federação propriamente dita, pois quem dita as ordens são os times grandes.Quando eles querem uma coisa ela sempre acontece, mas quando não querem, ninguém tem coragem de contestar e certamente fica como eles querem. Para começar, porque os campeonatos do módulo I e II acontecerem juntos. a Resposta é simples: para prejudicar os atletas. Porque terminou os tres ou quatro meses de contrato, estão eles desesperados de novo para continuarem trabalhando e aceitando qualquer coisa e qualquer valor.Aprendam com Goiás, Mato Grosso e outros mais. Como MT não tem 3ª divisão, tem a Copa Governador para dar emprego aos atletas, dessa maneira evitando gastar rios de dinheiro com transferencias de outros estados. Acorda para a realidade FMF. Modulo I, Modulo II e 3ª em periodos diferentes para o bem de todos.

Os comentários estão fechados.