Goleiro Cláudio acerta com a URT

Goleiro Cláudio e Marcos MachadoO goleiro Cláudio, um dos destaques do Mamoré na disputa do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, acertou contrato com a URT para o Módulo II do ano que vem.

O jogador falou da alegria de continuar em Patos de Minas e da expectativa de atuar diante da torcida do Trovão Azul.

Ouça as declarações do goleiro Cláudio ao repórter Marcos Machado…

ag-áudio-cláudio

O Presidente Sérgio Vita, da URT e o diretor de futebol Edson Vaz da Rocha confirmaram mais alguns contratados: o meia Torrinha (que jogou no Uberlãndia e esteve no Mamoré, mas não foi aproveitado por contusão), o volante e zagueiro Anderson Casito (que jogou pela URT no Módulo II e pelo Mamoré na Segunda Divisão), além do goleiro Cláudio.

Com a vinda de Cláudio, a URT desiste da contratação de Rodrigo Pereira, que havia sido o primeiro da lista a ser anunciado, goleiro que atuou pelo Itaúna.

Sócio-Torcedor

Continua a campanha para aumentar o número de participantes do Programa Sócio-Torcedor. Segundo o presidente Sérgio Vita, há a adesão de 150 torcedores até agora.

Sérgio Vita acredita que com o início dos treinamentos da equipe, o torcedor vai se animar mais e este número pode chegar a 300 até o final do ano e a mil até fevereiro.

O Presidente convoca o torcedor para participar…

ag-áudio-sérgiovita

Por: Adamar Gomes

5 ideias sobre “Goleiro Cláudio acerta com a URT

  1. Caro Cláudio Lucio,

    Não vejo dessa forma, as dividas de ambos os clubes de Patos surgiram no tempo em que segundo o Sr., o futebol era barato, o que não é uma verdade. A diferença é que os times do interior não evoluíram na mesma proporção e velocidade que os de grandes centros. O que falta é gestão, como exemplo a URT, há alguns anos um grande presidente conseguiu acertar as contas do nosso clube e ainda subimos para a primeira divisão. Gestão, só isso. Hoje os torcedores da URT têm orgulho ao falarem de sua diretoria, o Presidente Sergio junto de seus diretores está fazendo um trabalho fantástico de reestruturação e modernização administrativa, que terá reflexos dentro de campo já neste ano.

    Com relação ao outro time da cidade, não posso fazer afirmações baseadas em especulações, já que não tenho contato com a diretoria, mas fica de certo modo evidente que o que faltou foi gestão. Sabiamos que um estádio naquelas proporções teria pelo menos 70% de sua capacidade subutilizada, isso se explica pelo simples fato de não existir número suficiente de torcedores dessa agremiação, o que é fato. Tentaram passar uma imagem de super potencia esportiva, mas para isso um clube precisa ser no mínimo sustentável, o que parece não ser o caso.

    Não sei até onde essa filosofia de subir a todo custo vale a pena, peguemos o exemplo do Uberaba Sport, por duas vezes subiu para a primeira divisão com um timaço e arrasando os adversários, mas perdia saúde financeira e caia no ano seguinte, só agora ele se estabeleceu. Definitivamente, o clube verde usou bala de canhão para matar mosquito, estamos agora vendo o resultado de toda essa pirotecnia.

    Falar em fechar as portas dos times de Patos é uma bobagem sem tamanho, o falta são pessoas com competência e vontade de fazê-los se desenvolver administrativamente e ter saúde financeira. Como já disse, a URT tem conseguido bons resultados nesse aspecto, já o verde tem decepcionado e mostrado que nada mudou, a não ser o endereço. Duas marcas que tem mais de 60 anos são muito fortes quando trabalhadas de forma competente.

    Quanto à diminuição da capacidade dos estádios e a proibição de bebidas, são apenas medidas de segurança necessárias e muito pertinentes, sem falar que os que reclamam são os mesmos que vão a televisão chorar quando ocorre um incidente grave. No mais, podemos beber antes e depois dos jogos, os bares existem para isso. E pra quê capacidade maior se tem time por ai que não ocupa nem 20% do próprio estádio?

    Trabalho, trabalho, trabalho e muita HUMILDADE, é essa a formula do sucesso.

    E VIVA O TROVÃO AZUL!!!!

    Ps: por favor, não digitem com o “Caps Lock” ligado, é horrível de ler.

  2. ANTIGAMENTE ERA BARATO FAZER FUTEBOL. HOJE NENHUMA DAS EQUIPES DE PATOS CONSEGUE MONTAR TIME, POIS O FUTEBOL HOJE É DISPENDIOSO E, ALÉM DO MAIS, ESTÃO FAZENDO DE TUDO PARA ACABAR COM ELE(JÁ DIMINUIRAM A CAPACIDADE DE PÚBLICO DOS ESTÁDIOS, NÃO PODE COMERCIALIZAR BEBIDA, ETC). A FOLHA DE PAGAMENTO DO MAMORÉ, QUE DISPUTOU A TERCEIRONA, FOI DE R$60.000,00 MENSAIS, SEM FALAR EM OUTRAS DESPESAS. A TORCIDA ESTÁ SEM ESTÍMULO. UM ESTÁDIO DA CAPACIDADE DO “BERNARDO RUBINGER” ERA PARA ESTAR PRATICAMENTE LOTADO MAS NÃO FOI O QUE ACONTECEU. PÚBLICO PEQUENO. ALGUNS TORCEDORES QUE COMPRARAM O TÍTULO DE SÓCIO-TORCEDOR NÃO PAGARAM, UMA VERGONHA. ACONSELHO OS DOIS CLUBES FECHAREM AS PORTAS PARA NÃO ENDIVIDAREM MAIS.

  3. willian ,esse risco não corremos. porque a diretoria da urt são pessoas sensatas que estão montando o time sobre base solída.hora nenhuma viajamos na maionese como o nosso cooirmão mamoré.

  4. Eh Rodrigo com certeza, ele tah indo pro Real Madrid, Barcelona, Chelsea.. Meu Amigo, abra o olho, o URT tah em cima de uma bomba relogio. Assim como o Mamore, vcs tem q abrir o olho.. De 400 pau , vai pra 800 .. e dai ninguem segura…..

  5. Devemos parabenizar as pessoas que melhoram de situação profissional na vida graças ao seu esforço.
    Parabéns Cláudio!

Os comentários estão fechados.