Mamoré negocia Estádio “Waldomiro Pereira”

Reunião do dia 7 de setembro, que decidiu sobre a negociação do Estádio "Waldomiro Pereira"

Reunião do dia 7 de setembro, que decidiu sobre a negociação do Estádio

O E.C.Mamoré negociou o Estádio “Waldomiro Pereira” com a Rede de Supermercados Bretas, negociação que atinge a cifra de 4.7 milhões de reais.

(Na foto, diretoria e conselheiros do Mamoré reunidos no dia 7/9/2006 no Estádio Waldomiro Pereira, para aprovar a negociação)

Para o presidente do clube, José Soares Filho (Zezé do Cartório), “a negociação era a única saída para o clube alvi-verde, mergulhado em inúmeras ações trabalhistas e dívidas com fornecedores, INSS e outros”.

“O Mamoré precisa de um local mais apropriado, que espaço para campos de treinamento e mais conforto para os torcedores, salientou o presidente”.

Na verdade, o Estádio “Waldomiro Pereira” já estava vetado pela Federação Mineira de Futebol e Ministério Público, caso não fossem feitas obras necessárias para dotar o local de segurança para jogos oficiais, o que demandaria um projeto bastante dispendioso.

As negociações Mamoré/Bretas se arrastaram por vários meses, devido ao amplo trabalho exercido pela diretoria alvi-verde, no que diz respeito à documentação e mesmo a própria organização interna, envolvendo diretoria e conselho.

As contas passadas foram quitadas, somando cerca de 1 milhão 250 mil reais. O restante se encontra depositado em conta especial em nome da Rede de Supermercados, encarregada de erguer o novo Estádio, em terreno próximo à Avenida JK, entre os Bairros Ipanema e Planalto.

“Será uma Arena multiuso, comenta José Soares, para dar condições a que shows artísticos também sejam realizados”.

Caberá à Rede de Supermercados determinar quando começa a demolição do Estádio “Waldomiro Pereira”. No local será erguido um shopping, com estacionamento para cerca de 600 veículos, um hipermercado, que vai gerar cerca de 500 empregos diretos e várias lojas comerciais, que começam a ser negociadas com as Lojas Americanas e outras empresas de Patos e de fora.

A construção do novo Estádio deve começar em breve. Proximamente a diretoria do Mamoré estará apresentando aos torcedores a maquete da nova TOCA DO SAPO. O nome do novo Estádio será escolhido através de uma pesquisa com a participação dos torcedores do Esporte Clube Mamoré.

(AG)