Mamoré perde a primeira em casa e se distancia da vaga

Mamoré perdeu para o Tombense por 3×2, na noite desta quarta (9), pela penúltima rodada do campeonato mineiro do módulo II.

Foi a primeira derrota do Sapo no Estádio Bernardo Rubinger, na competição.

Resultado não elimina chances de classificação, mas deixa o time esmeraldino distante do módulo I.

O Araxá conquistou o título com o empate diante do Ipatinga no Estádio Fausto Alvim. Araxá foi a 11 pontos, Tombense (7), Ipatinga (5) e Mamoré (4).

O jogo

Tombense começou melhor e aos 5 min já mandava bola no travessão, numa cabeçada de Dudu, após escanteio. Mamoré entrou desligado e levou o primeiro gol aos 11 min, numa cabeçada de Léo Alemão.

O empate veio aos 14 min, após jogada individual de Evandro e o chute certeiro do zagueiro Jonathan Machado.

Tombense voltou a marcar aos 43 min, com Felipe, novamente de cabeça. Bola alta na área do Mamoré era um veneno. Apesar de não estar bem na etapa inicial, o Sapo teve duas boas chances, num chute de longe de Thiago Carvalho e uma cabeçada prá fora de Maxsuel.

Para o segundo tempo, Eugênio Souza colocou Robert para ter três atacantes, tirando Jé. Não deu certo. Sapo perdeu o meio-campo e os três atacantes ficavam isolados sem jogada. Tombense tomou conta do jogo e Tiago Azulão marcou o terceiro gol, aos 8 min, numa jogada de Dudu.

Para retomar o comando das ações, Marcelinho entrou no meio-campo, saindo Maxsuel. Com isso, o alvi-verde melhorou e diminuiu com Robert, aos 17 min.

A partir desse momento, Tombense adotou a tática do contrataque. Mamoré passou a procurar o gol e criou duas oportunidades. A primeira, num arremate de Robert, que entrou bem no jogo, para uma defesa espetacular de Diego. E uma outra, numa bola cruzada prá área, em que Paulinho e Evandro não conseguiram chegar para a conclusão.

O desespero abateu sobre o time, que queria resolver a partida de qualquer forma. Tombense aproveitou-se disso, para administrar o resultado e levar três pontos importantíssimos para sua classificação.

Mamoré 2×3 Tombense

Gols: Léo Alemão (TFC) aos 11 min, Jonathan Machado (ECM) aos 14 min e Felipe (TFC) aos 43 min, no primeiro tempo. Segundo tempo: Tiago Azulão (TFC) aos 8 min e Robert (ECM) aos 17 min.

Mamoré: Tiago Oliveira, Ricardo (Robertinho), Paulinho (A), Jonathan Machado e Ranner; Thiago Carvalho, Jé (Robert), Evandro e Jouberth; Maxsuel (Marcelinho) e Jonathan. Treinador: Eugênio Souza.

Tombense: Diego, Robertinho (A), Cássio (A), Mailson (A) e Beto; Léo Alemão, Júlio Bastos (A), Denilson (A) e Felipe (Caio) (A); Dudu (Rafamar) e Tiago Azulão (Alix). Treinador: Toninho Cajuru.

Árbitro: Adriano Alves de Oliveira; Assistentes: Wesley Moreira de Carvalho e Mauro Antonio Ferreira Santos.

Renda: R$ 25.935,00 – Público: 1762 pagantes (sem contar o sócio-torcedor).

Araxá 2×2 Ipatinga

Araxá ergueu o troféu de campeão do módulo II, depois do empate no “Fausto Alvim” contra o Ipatinga – 2×2.

Ganso foi a 11 pontos e não pode mais ser alcançado por nenhum dos concorrentes.

No sábado (12), alvi-negro joga em Tombos, encerrando sua participando diante do Tombense, no Módulo II.

Araxá retorna ao módulo I. A última vez em que esteve na “elite” foi em 1990.

Torcida lotou o Estádio e festejou a conquista do título.

Gols: Wellington Bruno (IPA) aos 29 min, no primeiro tempo. Na etapa final: Tiago Pereira, de pênalti (AEC) aos 24 min, Márcio Diogo (IPA)( aos 26 min e Tiago Marin (AEC) aos 43 minutos.

CLASSIFICAÇÃO DO MÓDULO II – 2012 – FASE FINAL
GRUPO ÚNICO
POS
CLUBE
PG
JG
V
E
D
GF
GC
SD
%
Araxá 11 5 3 2 0 10 6 4 73,3
Tombense 7 5 2 1 2 11 11 0 46,6
Ipatinga 5 5 1 2 2 6 7 -1 33,3
Mamoré 4 5 1 1 3 7 10 -3 26,6
Nessa fase, as equipes jogam entre si, em turno e returno, classificando-se os dois primeiros para o módulo I de 2003.
www.agesporte.com.br

Adamar Gomes – www.agesporte.com.br

Fotos: Silvano Souza

5 ideias sobre “Mamoré perde a primeira em casa e se distancia da vaga

  1. O Mamoré fez uma boa campanha no mineiro 2012, tem um bom elenco, a diretoria principalmente na divulgação e publicidade trabalhou bem, a torcida também fez a sua parte. Acho que o unico erro do verdão foi o treinador, começou com Erick Moura, sem experiencia e quando foi trocar o treinador também trouxe outro fraco, não substituiu bem. Esse ano se o Mamoré tivesse um treinador de ponta, já estaria como o Araxá comemorando a volta a elite, pois elenco ele tinha.

  2. Mais eles podem ter esperança. afinal esperança é a ultima que morre, vai que Araxá, Tombense e Ipatinga desistam e disputar o campeonato, ai eles seriam convidados como o quarto do quadrangular. Afinal de contas o Mamoré ficou em quarto lugar, em um campeonato de quatro times.

  3. tem diferença sair na primeira ou segunda fase ? resposta,não.é a mesma coisa.ou se é campeão ou vice,não existe time melhor classificado que o outro nesse tipo de campeonato , como alguns torcedores do sapo pensavam.adeus e até 2013.kkkkkkkkkkkkkkk………

Os comentários estão fechados.