Mamoré também dispensa treinador

Adenilton Soares

Adenilton Soares não é mais o treinador do Mamoré. Diretoria anuncia nas próximas horas o nome de seu substituto. Enquanto isto, o auxiliar técnico Pael comanda o time na semana de compromisso em Três Corações, diante do Tricordiano.

Adenilton começou o seu trabalho no início da temporado, comandando o Sapo nos amistosos preparativos e nos três primeiros jogos do Módulo II, com vitória sobre o Araxá por 1×0 no “Bernardo Rubinger”, derrota de 3×0 para o Funorte em Montes Claros e empate com a URT em 1×1, no clássico do último sábado no “Bernardo Rubinger”.

Antes mesmo do clássico já se notava a insatisfação de vários diretores, pelo fato de Adenilton não ter se concentrado com o grupo em Presidente Olegário. Outros defendem a tesse que a equipe poderia ter sido escalada de forma diferente contra a URT, pela disponibilidade de jogadores no banco de reservas.

Por outro lado, a diretoria reconhece os esforços de Adenilton e o bom relacionamento existente entre ele, comissão técnica, diretores e até mesmo com a imprensa e torcedores.

A frase “é hora de mudar” foi a mais ouvida no último sábado. Adenilton, que retornou a BH após o clássico, nem teve tempo de ser despedir do grupo.

TRICORDIANO

Depois do empate em casa contra a URT (1×1), o Verdão arruma as malas para a viagem de sexta-feira até Três Corações. No sábado o compromisso é diante do Tricordiano, às 16 horas, no Estádio “Elias Arbex”.

Por: Adamar Gomes

5 ideias sobre “Mamoré também dispensa treinador

  1. O Técnico tinha que acompanhar o time em Presidente Olegario.Ficar isolado no Hotel,foi letal e porque não acompanhou?????Ai cai

  2. O MAMORÉ,COM TODA GARANTIA PASSARÁ BEM POR ESTA FASE,NEM TERIA NECESSIDADES DE TROCA DE TÉCNICO,MAS VAMOS EM BUSCA DE MELHORAR SEMPRE. BOA SORTE SR.ADENILTON,VC É VENCEDOR.

  3. É, realmente o Roberto Gaucho está fazendo muita falta, porque a diretoria do Sapo nao traz ele de volta?
    Porque com ele o sapo nao soube o que é derrota.
    Vamu subir sapo!!!!

  4. Decisão equivocada da diretoria do mamoré…o Adenilton quase quebrou o tabu contra a URT…deveriam dar mais um tempo pra ele.

Os comentários estão fechados.