Os 70 anos de Carrocha

CarrochaJosé Lopes de Mello, o conhecido goleiro Carrocha, comemorou em alto estilo os 70 anos com a bola rolando no Estádio Zama Maciel no último dia 8. Nascido no dia 8 de agosto de 1939, Carrocha, que já jogou pelo extinto Tupi, e mais três equipes patenses, Mamoré e URT, como profissional e mais o Derpatos, foi surpreendido com a festa organizada pela sua família. Depois do encontro com os amigos no Estádio Mangueirão, houve missa em Ação de Graças na Igreja do Rosário e o encontro à noite nas dependências do Barra Park.

Carrocha chegou ao Zama Maciel perto de onze horas e ficou tomado de muita emoção ao encontrar ali companheiros da época em que jogava futebol, a esposa Dona Célia, os seis filhos e sete netos, dois genros e três noras.

A equipe Amigos do Carrocha contou com o Finesse, Celso Cocão, Célio, Moacir Santos, Nenenzão, Alírio, Zico, Papá, Negrão, Clóvis, Anedino e outros mais, além dos que foram ao Estádio Zama Maciel para abraçar o aniversariante, como Balila, Pantera, Didi e seu filho André. Pedimos desculpas por não termos citados todos, mas as fotos estão aí para mostrar um pouco da grandeza da comemoração dos 70 anos do estimado Carrocha.

O papo girou em torno de jogos memoráveis do passado. Uma das partidas mais lembradas foi aquela em que a URT jogou contra o timaço do Cruzeiro, numa festa à noite no Zama Maciel, em que a equipe estrelada venceu por 4×0, com muitos méritos, pois vinha de goleadas sobre adversários respeitados na época, como Santos e Fluminense.

O Cruzeiro veio com Tonho (depois entrou Raul), Pedro Paulo, William, Vavá e Neco; Piazza e Dirceu Lopes; Natal, Marco Antonio, Evaldo e Hilton Oliveira. O ausente foi Tostão, que estava servindo a Seleção Brasileira. Dirceu Lopes, um dos destaques da partida, marcou dois gols. Os outros foram de Evaldo e Natal (tocando por último em Canibais, num gol contra).

A URT tinha aquela defesa histórica: Carrocha, Carrochinha, Ganga, Lico e Neto. Finesse entrou em lugar de Ganga e Canibais em lugar de Lico. No meio Bené e Natal. Depois vinha o ataque com Alírio, Paulinho, Balila e Zé Canhoto.

Augusto Eustáquio de Melo, o conhecido Carrochinha, elogiou bastante a conduta de seu irmão Carrocha, como homem e como atleta. Carrochinha começou jogando futebol pelo Coríntians Patense, o time do Padre Tomás. Com  15 anos foi jogar no Tupi, do Walmir Gomes da Rocha. De lá foi para o Mamoré, onde atuou durante um anoe depois URT, com 17 anos, de 65 a 69. Carrochinha conta com saudades, o memorável jogo de inauguração da iluminação do Estádio Zama Maciel diante do Cruzeiro.

A URT tinha defesa que ficou bastante conhecida pela sua firmeza e pelo fato de ter atuado por muitos anos com a mesma formação. O próprio treinador na época, Dico, dizia sempre assim: “Carrocha, Carrocha, Ganga, Lico e Neto. O resto vai com Deus”.

Parabéns a José Lopes de Mello, o Carrocha, pelos 70 anos. Parabéns a toda sua família que soube organizar uma bonita comemoração, digna do homenageado.

 Parabéns a você

 

 

 

 

 

 

cumprimentos

 

 

 

 

 

 

cumprimentos

 

 

 

 

 

 

S6300657 []

 

 

 

 

 

 

S6300661 [] 

 

 

 

 

 

 

S6300665 []

 

 

 

 

 

 

S6300666 []

 

 

 

 

 

 

 

S6300667 []

 

 

 

 

 

 

S6300669 []

 

 

 

 

 

 

 

S6300670 []

 

 

 

 

 

 

 

S6300673 []

 

 

 

 

 

 

 

S6300674 []

 

 

 

 

 

 

S6300677 []

 

 

 

 

 

 

S6300678 []

 

 

 

 

 

 

S6300680 []

 

 

 

 

 

 

Fonte: www.agesporte.com.br

Fotos: Adamar Gomes

4 ideias sobre “Os 70 anos de Carrocha

  1. Grande frase a do tecnico Dico: “Carrocha, Carrochinha,Ganga, Lico e Neto. O resto vai com Deus”. Acho que somente ele e o tecnico Lula, do Santos, poderiam dizer isso. Lula quando tinha o ataque: Dorval, Mengalvio, Coutinho, Pele e Pepe…
    Essa defesa, segundo a reportagem, jogou muitos anos com a mesma formacao. Vejam o quanto e dificil fazer isso hoje. O rodizio dos jogadores e muito rapido…Enquanto melhores dias nao vem ao nosso futebol essas alegres lembrancas servem de motibacao para a nova geracao….

  2. CARROCHA E VÁRIOS OUTROS FIZERAM E FAZEM PARTE PARTE DA BONITA HISTÓRIA DO ESPORTE DO NOSSO ESTADO, EM ESPECIAL DA URT. PARABÉNS E MUITO OBRIGADO!!!

  3. Torcedor da URT ou nao, quem nao se lembra desse timaco: Carrocha,Carrochinha, Ganga, Lico e Neto. Bene e Natal. Alirio Paulinho, Balico e Ze Canhoto. Como jogava esse time e que “cracaco” era o Ganga… Esses jogadores nao podem ficar no anonimato.. Convivi bastante tempo com o aniversariante, mas ninguem falou para mim que era o grande Carrocha, inclusive ele… Mas as homenagens mesmo que tardias sao sempre um reconhecimento principalmente para esses jogadores que tem muitas historias para contar….

  4. Parabéns ao Carrocha pelos 70 anos. Ao vê-lo no Estádio Zama Maciel pude perceber sua alegria, compartilhada com todos os filhos, netos e demais membros da família unida. Um abraço à Dona Célia e a todos os familiares. Carrocha é um exemplo a ser seguido. É isso aí…

Os comentários estão fechados.