Rogério “cem”

E ROGÉRIO CENI chegou a 100 gols marcados na carreira. O goleiro-artilheiro atingiu a contagem centenária no clássico deste domingo na Arena Barueri, vitória do São Paulo sobre o Corínthians por 2×1. Cobrança perfeita de falta, com barreira, bola no ângulo e Júlio César nem viu a cor “dela”.

É uma marca histórica, difícil de ser superada, pois a maioria de seus perseguidores são goleiros aposentados. O Paraguaio Chilavert conseguiu 62, o colombiano Higuita marcou 41, o mexicano Jorge Campos estabeleceu a marca de 40, todos pararam.

Aos 38 anos, Ceni passa para a história do futebol. Uma vitória emblemática do tricolor, que há quatro não sabia o que era vencer o rival.

O centésimo gol paralisou a partida, com queima de fogos e homenagens registradas no placar eletrônico.

Para se chegar aos 100, o camisa 01 do São Paulo teve que atuar por 20 anos, 965 partidas disputadas e 15 títulos conquistados.

Por: Adamar Gomes