Sapo falha nas finalizações e perde de 4×1 para o Tombense

Mamoré perdeu por 4×1 para o Tombense, no jogo disputado na tarde desta quarta no Estádio “Antonio Guimarães de Almeida”, em Tombos, pelo quadrangular final do módulo II do campeonato mineiro.

Tombense abriu o marcador aos 13:30, com Dudu chutando forte, após uma cobrança rápida de falta. Tiago Azulão aumentou para dois aos 24.

O Mamoré subiu de produção e passou a pressionar a equipe local, conseguindo o seu gol aos 43 minutos, através do artilheiro Jonathan, o sétimo dele na competição. Jogadores do Tombense reclamaram de impedimento no lance, confirmado por alguns companheiros da imprensa patense.

No segundo tempo, o Sapo criou oportunidades, mas pecou na finalização. Tombense acabou sendo mais eficiente. Dudu marcou mais dois para a equipe de Tombos, aos 20 e aos 29 minutos, fazendo o resultado de 4×1.

A tarde não era mesmo do Verdão patense que desperdiçou uma penalidade máxima aos 38 minutos. O goleiro Fábio defendeu a cobrança de Jonathan.

Tombense 4×1 Mamoré

Gols: Dudu (TFC) aos 13:30, Tiago Azulão (TFC) aos 24 e Jonathan (M) aos 43, no primeiro tempo; Dudu (TFC) aos 20 e aos 29 min do segundo tempo.

Tombense: Fábio, Robertinho (A), Cássio, Mailson (A) e Beto; Denilson, Caio (Alix), Júlio Bastos e Felipe (Jean Carioca); Tiago Azulão (Rafamar) e Dudu. Treinador: Toninho Cajuru.

Mamoré: Tiago Wanderson, Ricardo, Paulinho, Jonathan Machado (A) e Ranner (Jeferson); Thiago Carvalho, Marcelinho, Robertinho (Leandro Miranda) e Jouberth; Robert (Evandro) e Jonathan. Treinador: Eugênio Souza (o aniversariante do dia).

Árbitro: Ígor Junio Benevenuto; assistentes: Flamarión Sócrates da Silva e Marcelo Francisco dos Reis.

Mamoré volta a jogar fora de casa no sábado, às 17h, contra o Araxá no Estádio “Fausto Alvim”. Tombense enfrenta o Ipatinga no “Ipatingão”, às 16h, também no sábado.

Reportagem: Fausto Mundim e Jairo Andrade (direto de Tombos)
Adamar Gomes – www.agesporte.com.br
Fotos: Toninho Cury

2 ideias sobre “Sapo falha nas finalizações e perde de 4×1 para o Tombense

  1. Estou torcendo muito para o Mamoré subir a elite do mineiro, mas é como disse em comentarios anteriores, o tecnico do mamoré é fraco, o time é muito bom.
    Comparo o Mamoré com seu elenco a Ferrari de Barricelo, ou seja um carro de primeira (elenco do MAMORÉ) com um motorista (tecnico Eugenio) de terceira.

Os comentários estão fechados.