Silvinho Amorim vence Bigbiker em São Lourenço

Silvinho Amorim (boné preto) com o seu treinador Hugo Pradoneto

Centenas de ciclistas participaram da final da 10ª edição do Bigbiker, em São Lourenço, no último final de semana.

A briga pelo campeonato começou no início do ano, com a etapa de Itanhandu (MG). Depois, os atletas percorreram as trilhas de Santo Antônio do Pinhal e Taubaté (SP). Pela primeira vez, São Lourenço foi incluída no percurso. Afinal, a cidade já está figurando entre os melhores circuitos para os bikers.

As provas pelas estradas de terra e trechos de rodovias que cortam a cidade, somaram 81 Km, percorridos pelos vencedores em  pouco mais de 3h.

O Atleta Silvinho Amorim (Giro Sport Center BH, Medley Escola de Natação, Sonobom Franquias, Cia do Corpo) representou muito bem a cidade de Patos de Minas.
Silvinho chegou na nona colocação geral da prova e em primeiro na sua categoria (Master B) com tempo de 3h22min, colocando cerca de 13minutos no segundo colocado da sua categoria.

Participando de apenas duas etapas do Bigbiker: Sto Antônio do Pinhal (2º Lugar), São Lourenço (1º Lugar) das 4 etapas, devido a coincidências com algumas provas como Copa Internacional de MTB onde ficou em 3º lugar no campeonato atrás de Amarildo Ferreira e Márcio Raveli 11 vezes campeão brasileiro, o atleta ainda ficou em 4º lugar na classificação final do campeonato.

Segundo o atleta, “a prova de domingo foi muito dura, onde todas as categorias largaram juntas e mesmo com a chuva no dia anterior da prova, não foi suficiente para apagar a poeira o que em algumas descidas dificultava o domínio da bike. Um circuito muito técnico, onde até o km 40 a prova já se definia e a partir dali começava o longo trecho de subidas duras e tabém descidas técnicas com o famoso zigue zague exigindo muita técnica dos pilotos. Gostaria de parabenizar toda organização pelo circuito e também pelo cuidado com os atletas por existirem vários pontos de água durante a prova que por ser longa desgasta muito e ficamos sujeito a desidratação.”

Vindo de uma ótima fase (7º melhor do mundo em sua categoria), Silvinho agora prepara para fase de transição, onde pretende focar a temporada 2011, tentando renovar alguns apoios e também conseguir alguns novos patrocínios, que por sua vez lhe dão incentivo e motivação que possibilitarão o atleta a participar de competições a nível mundial como Cape Epic na África do Sul (www.cape-epic.com/), Campeonato Mundial de 2011, e também campeonatos brasileiros de MTB, seguindo firme em seus treinamentos.

“Espero poder participar de todas as etapas do bigbiker no ano de 2011, contando com que a organização possa fazer o calendário que não coincida com algumas provas a nível nacional, pois estas distribuem pontos para o ranking nacional o que dificultou minha ida em outras etapas, preferindo competir e participar das que valiam pelo ranking nacional de mtb”.

Por: Bruno Fernandes (www.noispedala.com.br)