Sparta de São Gotardo campeão do Regional da Liga Patense

A decisão do Regional da LIga Patense de Desportos aconteceu no sábado (13) no Estádio Olavo Bilac de Resende, em São Gotardo, com a conquista do Sparta Esporte Clube em cima do Tirense. Placar no tempo regulamentar: 1×0 para o “Lobo do Cerrado”. Na decisão dos pênaltis: 4×3.

princ-sparta-campeão

Sparta é merecedor do título, tendo conseguido a melhor campanha dentre os doze participantes da competição. Teve o principal artilheiro da competição, Marco Antonio, com 14 gols. Ele acabou sendo substituído por contusão.

Com melhor desempenho técnico, o Sparta teve mais posse de bola e foi melhor na partida. O Tirense que havia vencido a primeira, em casa, por 1×0, mostrou muita disposição e valorizou a conquista do “Lobo do Cerrado”.

O único gol foi marcado por Pelezinho, aos 38:30min do primeiro tempo, de cabeça, depois de falta bem cobrada da esquerda por Máiron César, melhor jogador em campo, ao lado do autor do gol, Pelezinho e do goleiro Paulão, que brilhou na disputa de pênaltis.

Pênaltis

Com a vitória do Tirense no primeiro jogo e do Sparta na segunda partida, com o mesmo resultado (1×0), a decisão foi para os tiros livres da marca do pênalti.

Tirense começou cobrando e esbarrou no goleiro Paulão, do Sparta, que vez duas defesas garantindo o título.

Confira a sequência das cobranças:
Tizil (Tirense) – 1×0
Juninho (Sparta) – 1×1
Rafael (Tirense) – 2×1
Fernandinho (Sparta) – 2×2
Zé Eurípedes (Tirense) – Paulão defendeu
Denner (Sparta) – 3×2
João Paulo (Tirense) – 3×3
Assis (Sparta) – 4×3
Xandinho (Tirense) – nova defesa de Paulão
Com 4×3, o Sparta nem precisou da última cobrança, que seria de Máiron César.

O heroi nos pênaltis, Paulão, disse no final – “aprendi muito com o Dida, que eu considero um dos grandes goleiros do futebol brasileiro. Para defender pênalti, o Goleiro tem que observar bem o adversário, olho no olho e esperar a batida para tentar defender… deu certo… somos campeões.”

Premiação

Debaixo de muita chuva, os troféus e medalhas foram entregues no centro do gramado do “Olavo Bilac de Resende”.

O patrono do troféu de campeão, Baltazar Pedro de Brito, ex-árbitro da Liga Patense, um dos homenageados, entregou a Taça ao Sparta. Nivaldo Romão (Natinho), que faz parte da história do Vila e do futebol patense, teve seu nome inscrito no troféu de vice-campeão entregue ao Tirense.

Marco Antonio (Sparta) recebeu o troféu de artilheiro. Os troféus de melhor defesa e de Disiciplina ficaram com o Paranaíba de Carmo do Paranaíba. Os campeões ainda receberam uma Moto.

Ficha do jogo

Sparta: Paulão, Tadeu, Juninho, Carlão e Assis; Tiagão (Douglas), Tiago Oliveira Patu), Wanderson (Denner) e Pelezinho (Fernandinho); Máiron César e Marco Antonio (Bega). Treinador: João Nery.

Tirense: Daniel, Luquinha (Elvinho), Godão, Tiziu e Rafael; Vilmar (Jorge), Xandinho, Zé Eurípedes e João Paulo; Saulo (Daniel Richeli) e Iran. Treinador: Luís Alberto.

Árbitro: Vanderlei Silva; assistentes: Adalto Pereira de Andrade e Euler Gonçalves Rosa (trio com boa atuação, soube levar bem a decisão). Quarto árbitro: Marcos Gonçalves da Silva. Representante: Eduardo Nogueira Soares.

Público de cerca de 1.100 torcedores.

O presidente da Liga Patense de Desportos, Cássio Luís Ribeiro Duarte, falou do sucesso do campeonato, agradecendo aos clubes participantes e parabenizando os finalistas.

O diretor de árbitro Antonio José de Souza (Pantera) também esteve presente, assim como a Sra. Célia e outros colaboradores da LPD.

A equipe “Bola na Rede” da Rádio Clube transmitiu “ao vivo” com Geovane Machado, Marcos Machado e Toninho Cury e participação de Wallisson Alves. Outras emissoras da região estiveram presentes: Radiopatos (Antonio César, Esmar Martins, Wantuir Silva e Davi Andrade), Rádios Planeta e Liberal (de Carmo do Paranaíba), Nova Geração (de Tiros), Positiva FM (de São Gotardo), Paranaiba (de Rio Paranaíba) e outros órgãos de imprensa, como o AG Esporte (www.agesporte.com.br) representado por Adamar Gomes e Toninho Cury.

Por: www.agesporte.com.br
Fotos: Toninho Cury