Brasil em nono na Paraolimpíada

Brasil encerra sua participação nos Jogos Paraolimpícos de Pequim com a melhor campanha de sua história, com a conquista de 16 ouros, 14 pratas e 17 bronzes, um total de 47 medalhas.

A delegação brasileira fica em nono lugar no classificação final, com o brilho de vários atletas, entre eles o nadador Daniel Dias, de 20 anos, que subiu ao pódio nove vezes, melhor marca entre todos os competidores do evento. Foram quatro ouros, quatro pratas e um bronze.

André Brasil, também na natação, conseguiu quatro ouros e uma medalha de prata.

No atletismo o grande nome foi Lucas Prado, vencedores de três provas de velocidade, os 100 m, 200 m e 400 m rasos, na categoria T11 e deixou a Paraolimpíada com 100% de aproveitamento.

A China ficou em primeiro no quadro de medalhas com 89 ouros, 70 pratas e 52 bronzes. O Reino Unido conseguiu o segundo lugar com 102 medalhas, sendo 42 de ouro. O terceiro lugar ficou com os Estados Unidos com 36 de ouro,  99 no total.

(AG)