URT vai ser julgada no Tribunal

A União Recreativa dos Trabalhadores vai ser julgada nesta terça (23) pela Terceira Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Mineira de Futebol.

Trata-se do Processo nº 015/10, referente à partida entre Poços de Caldas x URT, disputada na primeira rodada do Módulo II.

O relator é o Dr. Edson Potsch Magalhães Neto. Estão incursos: o atleta Iran Carvalho de Freitas (Poços de Caldas) no artigo 254, parágrafo 1º, inciso II; Valter Juliano Júnior – Torrinha (URT), no artigo 254, parágrafo 1º, inciso I; Marcelo Felber Aguiar (URT), artigo 223 e União Recreativa dos Trabalhadores, no artigo 214.

Artigo 223 (Marcelo Felber): Deixar de cumprir ou retardar o cumprimento de decisão da Justiça Desportiva. Pena: multa de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais) a R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais) e suspensão até que se cumpra a decisão.

Artigo 214 (URT): Incluir atleta que não tenha condição legal de participar de partida, prova ou equivalente. PENA: perda do dobro de pontos previstos no regulamento da competição para o caso de vitória e multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) a R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais).

Marcelo Felber atuava no ano passado na Taça Minas Gerais pelo Poços de Caldas e foi suspenso por duas partidas pelo TJD. Cumpriu a automática e ficou faltando mais uma, que ele teria cumprido com o pagamento de cestas básicas, por não haver mais jogos na temporada.

A diretoria da URT está tranquila quanto ao julgamento e tenta através de seu advogado a retirada de pauta, ainda nesta segunda-feira, do processo, referente ao clube e a Marcelo Felber.

PRESIDENTE DEVE ENTREGAR O CARGO

Presidente Sérgio Vita reafirmou hoje o desejo de não continuar como presidente da URT. Vários apelos foram feitos pela imprensa por diretores e torcedores para a sua continuidade. No entanto, Vita está encontrando muitas dificuldades para comandar a agremiação, com a pequena ajuda financeira que vem recebendo.

Para a URT seria ruím, pelo trabalho sério que vem sendo mostrado por Sérgio Vita.

Por: Adamar Gomes

4 ideias sobre “URT vai ser julgada no Tribunal

  1. Como nos disse o nosso presidente podemos ficar tranquilos em relação ao julgamento.
    Gostaria de deixar o meu apelo para que o nosso presidente continue.
    Sabemos das dificuldades encontradas, principalmente de ordem financeira, mas sem um gestor da qualidade do Sergio a URT ficará em maiores dificuldades ainda.
    Por favor presidente fique, pois as vitórias virão e com as vitórias o apoio irá aparecer, principalmente da torcida que é muito fiel.

  2. estamos falando de urt e nao de cruzeiro, vem dizer agora que a urt tem força na federação !! so faltava isso ! ja nao tem pontos e tira 6

  3. O Cruzeiro perdeu em primeira instancia por 4 a 1, a federação retirou os pontos, mais como entraram com recurso no STJD e federação devolveu os pontos (SO PORQUE ERA O CRUZEIRO) até o recurso ser julgado, o recurso no STJD esta marcado para o dia 01/03.

Os comentários estão fechados.